quarta-feira, junho 29, 2005

Meu Amor

São Nervos
São Só e Apenas Nervos
E Músculos E Sangue
Falta-nos quase Sempre o Coração
Pois Daqui para a Frente
Será Sempre o Coração

2 Comments:

Blogger catarina said...

Pedro

Poe a imagem mais bonita que encontrares. Adoro'te.Nao percebo este teclado :)

6/29/2005 7:54 da manhã  
Anonymous patrícia said...

Corre tudo bem:)

6/30/2005 2:29 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home